Regionais

Servidores de Tamboril aguardam decisão sobre licença premium

O ano começa movimentado para os servidores do município de Tamboril. Além do reajuste anual do salário mínimo que passará a ser de R$ 1.045,00 – outras duas categorias terão reajuste por conta do Piso Nacional, são eles os agentes de endemias que passarão a receber R$ 1.400,00 e os professores que já tem definido pelo MEC, reajuste de 12,84%.

Em entrevista a Feiticeiro Fm, a presidente do sindicato Iracema Oliveira, destacou o reajuste é um direito que deve beneficiar todos os servidores.

Um dos assuntos tratados nessa matéria foi a licença premium, uma ação que já havia sido deliberada em assembleia, onde o prefeito Pedro Calisto havia enviado proposta que não foi aceita pela maioria dos servidores. A entidade enviou uma contraproposta que também não foi bem-vinda pela gestão do município. Segundo Iracema, se aguarda no momento a decisão da justiça chamar as duas partes para uma negociação, ou até mesmo o próprio juiz pode decidir sobre a situação.

Porém, desde o início dessa ação, muitos servidores já se aposentaram, outros já não estão mais vivos. Sobre esses e outros assuntos, Iracema Oliveira, explicou quais atitudes o sindicato está encaminhando.

A entrevista que pode ser ouvida no player abaixo, foi concedida a radialista Ciandra Melo.

Compartilhe:

Comente com Facebook

Redes Sociais

Feiticeiro Fm