Regional

Gratificação de insalubridade dos agentes de saúde tem parecer favorável de Audic Mota.

O primeiro secretário da Assembleia Legislativa deputado Audic Mota, apresentou parecer favorável ao projeto de Lei Nº 2/2018, oriundo da mensagem Nº 8.227 do Governo do Estado, que institui a gratificação pela execução de trabalho em condições especiais, com risco de vida ou à saúde, aos agentes comunitários de saúde.

O projeto visa modificar a legislação estadual acompanhando a Lei Federal Nº 13.342 de 3 de outubro de 2016, que, alterando a de Nº 11.350 de 5 de outubro de 2016, previu a possibilidade de concessão de benefício aos agentes em razão de riscos inerentes ao exercício da atividade.

Atualmente, não há equiparação dos agentes aos servidores estaduais ligados à Secretaria de Saúde. A gratificação pela execução de trabalho em condições especiais, com a inclusão de risco de vida ou à saúde é um pleito antigo da categoria. Se adequa ao que prevê a lei federal instituidora do adicional, que tem como condição de concessão o efetivo exercício em situações insalubres.

Deixe sua Mensagem

comentários

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 166 outros assinantes