Segurança

Homem mata dono de bar e depois é morto por populares em Monsenhor Tabosa

Um desentendimento resultou em duas mortes de forma trágica no município de Monsenhor Tabosa na noite desta terça-feira (30). Segundo informações divulgadas pela polícia militar, o caso aconteceu em um bar pertencente a Pastoro Melo de Sousa, 30 anos.

Ele estava em seu estabelecimento quando chegou Antônio Valdenir da Silva Pereira. Sem motivo aparente, os passaram a discutir. No meio da confusão Valdenir desferiu várias facadas contra o dono do Bar que chegou a ser socorrido para o Hospital mas não resistiu e veio a óbito. 

O crime revoltou populares, que foram até o bar da vítima, onde teria permanecido o acusado depois de mata-ló. Ainda segundo a polícia, Valdenir foi praticamente linchado por pessoas desconhecidas. Ele sofreu perfurações a faca e agressões a pauladas. Valdenir que é morador da zona rural do município não resistiu aos ferimentos e veio a óbito.

Os autores da ação não foram identificados até o fechamento desta matéria. 

Os corpos foram encaminhados ao IML de Canindé.

Deixe sua Mensagem

comentários