Segurança

Ipueiras: provavelmente mãe e crianças tenha sido mortas a faca antes de serem carbonizadas.

As especulações em torno da tragédia ocorrida no município de Ipueiras nesta segunda-feira (04) apontam que possivelmente as vítimas tenham sido mortas com perfurações a faca antes de serem carbonizadas.

Um áudio que circula em grupos do Whatsapp mostram a narrativa de uma mulher relatando que as vitimas foram encontradas amarradas e com perfurações a faca. Tal fato teria sido dito pela irmã do acusado. Segundo ela, Clovis, teria chegado à casa da mãe na manhã desta segunda-feira para deixar seu filho e disse que se elas não cuidassem do filho dele, elas também iriam participar do banho de sangue.

Provavelmente as vítimas foram mortas ainda na sexta-feira (1º).

Ao seguir o acusado até a casa onde aconteceu a tragédia, as irmãs bateram na porta e ele não abriu, nesse momento o local já estava tomado pelas chamas, ao conseguir entrar na casa, a irmã teria tido que viu as crianças e a mãe já mortas e amarradas com perfurações.

Vale salientar que as as crianças mortas não eram filhos biológicos do acusado.

Francisco Clovis Camelo está foragido a polícia realiza buscas na tentativa de prendê-lo.

Ouça abaixo o áudio que circula nas redes sociais.

Galeria de imagens.

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Deixe sua Mensagem

comentários

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 150 outros assinantes