Destaques

Seguro DPVAT tem redução de 35% em 2018.

Anunciada na última quarta-feira (10), a tabela de pagamentos do seguro DPVAT confirmou o anúncio do Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP), feito em dezembro do ano passado. O órgão, vinculado ao Ministério da Fazenda, havia informado que a redução seria de 35% para todas as categorias, exceto motocicletas, que não receberiam alteração. A previsão repassada desconsidera a cobrança da taxa (custo bilhete) e o IOF.

Ao analisar a incidência extra, no entanto, os descontos segundo a tabela ficam um pouco menores. Para a “categoria 3” (ônibus e micro-ônibus para aluguel e aprendizado), a redução ficaria em 34,42%. Para a “categoria 1” (automóveis particulares, oficiais, de missão diplomática, corpo consular e órgão internacional), seria de 32,86%.
Em 2018, o valor cobrado para os carros de passeio, por exemplo, cairá dos R$ 68,10, de 2017, para R$ 45,72.

A redução, de 32,86%, é idêntica para os táxis, carros de aluguel e de aprendizagem da “categoria 2”. A taxação sob os ônibus e micro-ônibus particulares, oficiais, de missão diplomática, corpo consular e de órgão internacional – “categoria 4” – será 34,07% menor neste ano ante 2017.Para os ciclomotores (categoria 8) será cobrado o valor de R$ 103,78, o que representa redução de 33,31%. A categoria 10 terá desconto de 32,95%, correspondente aos caminhões, caminhonetas tipo pick-up de até 1.500 Kg, máquinas de terraplanagem e equipamentos móveis em geral e outros veículos. O prêmio anual relativo às motocicletas não sofreu alteração, enquanto os reboques e semirreboques estão isentos.

O pagamento do prêmio do seguro DPVAT não pode ser parcelado e deve ser feito juntamente da cota única ou na primeira parcela do Imposto sobre a Circulação de Veículos Automotores (IPVA). No caso de veículos que são isentos do IPVA, o pagamento deverá ser efetuado juntamente com o emplacamento ou com o licenciamento anual.

Importante ressaltar que a quitação do seguro DPVAT é obrigatória para a obtenção do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV), documento de porte obrigatório.

Os pagamentos do seguro DPVAT são administrados pela Seguradora Líder. A emissão da taxa deve ser feita no site do Detran e pode ser efetuada pelo Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Itaú ou Santander.

(Com Diário do Nordeste)

Deixe sua Mensagem

comentários

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 156 outros assinantes