Policial

UFC é a universidade que mais cresce com pedidos de patente no País

A Universidade Federal do Ceará foi a universidade brasileira que mais cresceu nos pedidos de registro de patente (registro de invenções), um dos principais indicadores de inovação tecnológica. O número de patentes solicitadas pela Instituição cresceu 766% entre os biênios 2008-2009 e 2010-2011, passando de três para 26 no período. Os dados fazem parte do Ranking Universitário da Folha (RUF), divulgado nessa segunda-feira. Segundo o RUF, o número de patentes da UFC supera a média nacional, que é de 6,3 pedidos por instituição.

Na avaliação da coordenadora de Inovação Tecnológica da UFC, professora Selma Mazzetto, vários fatores ajudam a explicar esse crescimento, entre eles boa gestão, planejamento, apoio das instâncias superiores e a integração entre os diversos setores da universidade. Como uma das iniciativas, pesquisadores foram incentivados a aprender e registrar pedidos de patentes por meio de cursos do Instituto Nacional de Propriedade Industrial (Inpi), órgão que analisa os registros.

Outro fator importante para alavancar o número de pedidos de patente foi o maior investimento em pós-graduação, sobretudo com foco na contratação de mais doutores. “Essas novas contratações vieram somar, porque trazem cada vez mais tecnologias inovadoras”, ressalta Selma. Com mais patentes, a Universidade tem ganhos importantes, como a possibilidade de elaborar indicadores de ciência e tecnologia, atrair recursos financeiros através da transferência de tecnologia e ainda aumentar a interação com outras instituições, tornando a UFC ainda mais reconhecida nacional e internacionalmente.

(UFC via Blog do Eliomar)

Compartilhe:

Comente com Facebook

Feiticeiro Fm