Policial

4 em cada 10 celulares vendidos em 2015 serão chineses

Os fabricantes chineses de celulares não tem do que reclamar de 2014. O volume de vendas dos aparelhos xing lings corresponderão até o final de dezembro a 38% do total mundial. 

Desde 2011, a participação dos fornecedores do país no mercado internacional tem crescido a uma taxa inacreditável de 50% ao ano.

E se 2014 foi bom, 2015 será ainda melhor.

Apesar da estimativa de crescimento cair para 17% devido a cortes nos subsídios e à saturação de smartphones no país, celulares chineses vão corresponder a mais de 40% da produção mundial e podem superar a marca de 50% em 2016.

E os chineses não fazem feio não.

Um novo celular acaba de quebrar o recorde de modelo mais fino do mundo. Fabricado pela chinesa Vivo, o X5 Max, com 3,98mm de espessura. O apareho tem tela Super-AMOLED de 5,5 polegadas e um processador de 1,7 GHz, 2GB de RAM e 16GB de armazenamento interno expansíveis. A câmera traseira possui 13 megapixels, quando a frontal, tem 5 megapixels. 

O X5 Max chega ao mercado chinês no próximo dia 22, por US$ 486 dólares. No Brasil, a novidade ainda não tem lançamento previsto.

Compartilhe!

APP FEITICEIRO FM

PÚBLICIDADE INSTITUCIONAL

Feiticeiro Fm

error: Conteúdo Protegido !!