Policial

MST ocupa agência da caixa em Crateús e cobra construção de moradias para famílias acampadas.

12003002_468455403332226_5066070385258363836_n

O MST e vários trabalhadores dos movimentos sociais realizaram na manhã desta quinta-feira (10) uma manifestação em frente a Agência da Caixa Econômica Federal de Crateús.

No ato, uma extensa pauta de reivindicações foi apresentada ao gerência da agência. Dentre elas, cobranças para a construção das moradias da Comuna Irmã Dorothy no município de Tamboril, além da vistória do terreno doado pela prefeitura para construção de 600 casas. Em entrevista ao Jornal A HORA DA VERDADE da Feiticeiro Fm, o assessor  de comunicação do MST Gene Santos ressaltou que tal vistoria já deveria ter sido realidade pela caixa. 

Gene destacou que uma reunião deverá acontecer no próximo dia 23 de setembro na agência da caixa em Crateús, com uma representação da secretária das cidades, representantes das prefeituras de Tamboril e Crateús, além das empresas que irão construir as casas da Comuna de Tamboril e Crateús, representantes do IDACE e o INCRA.

Compartilhe!

Feiticeiro Fm

Cópia de conteúdo proibida!