Policial

Corpos das vitimas do acidente com ambulância de Tauá, são liberados do IML.

ambulancia02

Já está sendo transladado para Tauá, o corpo da técnica de enfermagem Nilda de Souza Melo, que morreu no acidente ocorrido na madrugada deste domingo (27) próximo ao Clube do Vaqueiro, em Fortaleza, quando uma ambulância da Secretaria de Saúde de Tauá, colidiu com um caminhão compactador de lixo que estava estacionado na BR 020, depois de passar por um problema mecânico.

Além de Nilda que trabalhava como Técnica de Enfermagem no Hospital Dr. Alberto Feitosa Lima e que era Técnica Operacional do SAMU, também morreu no acidente, o paciente que estava sendo transferido para Fortaleza, Denivaldo Mota da Silva, morador da localidade de Xique-Xique, na Zona Rural de Parambu.

Ficaram feridos, mas já fora de perigo, o motorista da ambulância, Erisnaldo Oliveira Gaspar, conhecido por “Naldo”, residente na Avenida Moacir Pereira Gondim, no Bairro Colibris-Tauá, e a acompanhante Erisvânia Alves de Souza, conhecida por Nenen, esposa do paciente que estava sendo transferido e morreu no acidente.

Erisnaldo já deixou o hospital, e Erisvânia permanece internada, no Instituto Dr. José Frota, se recuperando de uma lesão que sofreu na face, mas nada grave segundo informações da Assistência Social do IJF.

O corpo da Técnica de Enfermagem Nilda, será velado por algumas horas na casa de um familiar no Bairro Colibris em Tauá e depois segue para a localidade de Pau Preto, na Zona Rural de Parambu, onde residem seus pais. O sepultamento provavelmente acontecerá na segunda feira (28), em horário ainda a ser definido pela família.

Já o corpo da outra vítima do sinistro, também será sepultado na Zona Rural de Parambu.

(Repórter Lindon Jonhson)

Compartilhe!

Feiticeiro Fm

Cópia de conteúdo proibida!