Policial

Tocha olímpica passará por 12 cidades do Ceará

O governador Camilo Santana, o ministro do Esporte, George Hilton, e o ministro das Comunicações, André Figueiredo,realizaram na manhã desta sexta-feira, o encontro preparatório de organização para o revezamento da tocha olímpica das Olimpíadas do Rio 2016 no Ceará. Na reunião, que aconteceu no Palácio da Abolição, em Fortaleza, foram discutidas ações municipais, estadual e federal para logística e segurança da passagem da tocha olímpica nas 12 cidades cearenses escolhidas para receber o símbolo. A capital Fortaleza será a porta de entrada da tocha no Estado no dia 7 de junho de 2016.

“Muitas são as ações que o Governo do Estado tem investido para trazer o esporte na vida, principalmente, dos mais jovens. Nós queremos transformar o Ceará em um grande polo de desenvolvimento dos esportes no Brasil. Somos orgulhosos e arretados em tudo que fazemos. Por isso, queremos mostrar para todos nossas várias vocações e talentos, dando oportunidade para os jovens e adultos que são e serão destaques em todo país”, destacou o governador Camilo Santana.

O Governo Federal tem organizado uma série de reuniões preparatórias em todas as capitais brasileiras, incluídas na rota de revezamento da tocha olímpica, que percorrerá cerca de 300 municípios a partir de maio do ano que vem. Nesses encontros preparatórios, são discutidas tanto a ações realizadas com a iniciativa privada, como a organização dos estados e municípios para recepcionar o evento.

Os municípios pré-selecionados para receber o revezamento da tocha no Ceará são Aquiraz, Aracati, Barroquinha, Camocim, Caucaia, Forquilha, Fortaleza, Granja, Irauçuba, Itapajé, Massapê e Sobral. Segundo o George Hilton, ministro do Esporte, as Olimpíadas do Rio servirão para trazer o povo brasileiro para um mesmo sentimento. “A tocha deve servir para que o Brasil esteja unido com o mesmo sentimento de que vamos vencer mesmo em tempos difíceis. Precisamos dar a trégua ao sentimento de dúvidas e de pessimismo. Vamos encarar os desafios que nos cercam e levar as histórias desses atletas como exemplo para nossas vidas. Através da trajetória de perseverança e vitória, erguemos a cabeça e seguiremos em frente rumo a um Brasil de grandes conquistas”, motivou o ministro.

(Governo do Estado)

Compartilhe!

Feiticeiro Fm

Cópia de conteúdo proibida!