Regionais

Ceará já fez mais transplantes de coração este ano que em todo o ano passado, segundo a secretaria de saúde do estado.

Com dois transplantes de coração feitos nesta primeira semana de dezembro, o Ceará chegou a 23 transplantes do coração e já superou o total de 21 realizados em todo o ano passado. O último transplante ocorreu na tarde da última segunda-feira (07), no Hospital de Messejana Dr. Carlos Alberto Studart Gomes, referência no Norte e Nordeste em transplante de coração e pulmão.

Beneficiado com um transplante, o jovem Cairo Mesquita Costa, 23 anos, natural de Fortaleza, era portador de uma miocardia dilatada considerada muito grave. Dependente de medicação, o paciente esperou um mês pelo transplante e se recupera bem, de acordo com o hospital.

Com 1.341 transplantes já realizados neste ano, o Ceará está bem perto de estabelecer novo recorde em 2015. Faltam 59 transplantes para superar os 1.399 feitos em 2014, recorde atual no Estado. Além de coração, foram realizados até o momento mais transplantes de rim/pâncreas, medula óssea e valva cardíaca que em todo o ano passado. Até o mês de novembro, houve mais transplantes de fígado e córnea que no mesmo período de 2014.

Foram realizados até novembro deste ano 247 transplantes de rim, 6 de rim/pâncreas, 21 de coração, 178 de fígado, 4 de pulmão, 72 de medula óssea (63 autólogos e 9 alogênicos), 766 de córnea, 13 de esclera e 12 de valva cardíaca, totalizando 1.319 transplantes. Em dezembro já foram realizados mais 2 de rim, 2 de coração, 2 de fígado, um de medula óssea alogênico e 15 de córnea, aumentando o total no ano para 1.341. No ano passado, até novembro, foram 258 transplantes de rim, 5 de rim/pâncreas, 18 de coração, 177 de fígado, 10 de pulmão, 57 de medula óssea (55 autólogos e 2 alogênicos) 707 de córnea, 26 de esclera e 10 de valva cardíaca, totalizando 1.268.

Compartilhe:

Comente com Facebook

Feiticeiro Fm

error: Conteúdo Protegido !!