Regionais

Estudante é encontrada morta e com sinais de violência em casa, na zona rural de Nova Russas.

Irany - Nova Russas

A jovem Antonia Irany de Carvalho Freitas, de 25 anos, foi encontrada morta no interior da casa onde morava com os pais, na localidade de Muringue, zona rural do município de Nova Russas. O crime veio a tona nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira (30), quando populares perceberam algo de anormal e acionaram a polícia militar, que chegou ao local e se deparou com a estudante já sem vida. O corpo da jovem apresentava um corte no pescoço, manchas de sangue e sinais de violência, indicando que ela chegou a ser violentada de forma brutal e não teve chances de defesa. 

Em conversa com a nossa reportagem, o delegado Dr. Lucas Aragão que esta a frente do caso, disse que a polícia está trabalhando na tentativa de solucionar o crime e dar uma resposta a sociedade, ele adianta que não pode dar detalhes das investigações, mas adiantou que está empenhado em identificar e prender o culpado. Para o delegado não é descartado que a mesma tenha sido violentada sexualmente, antes de ter sido morta pelo criminoso, porém esse fato só será confirmado após laudo do Instituto Médico Legal, para onde o corpo da jovem foi encaminhado.

Irany - Casa

Os pais de jovem estavam em Fortaleza, onde o pai fazia tratamento de saúde. Irany Carvalho estava sozinha em casa e acabou se tornando uma presa fácil para o autor do crime, que conseguiu ter acesso ao interior da residência pelo telhado da casa, fato comprovando pela polícia, já que o teto estava destelhado e com algumas telhas quebradas. Ainda segundo Dr. Lucas, o autor saia que a jovem estava só em casa e o crime pode ter sido preditado.

Estudante de Técnica de Enfermagem e já estagiando na área, Irany era bastante conhecida na localidade onde morava, cheia de sonhos, ela pretendia seguir a profissão, mas infelizmente teve os seus sonhos interrompidos de forma brutal. O crime tem causado revolta a população da pequena localidade que esperam uma resposta diante da tamanha brutalidade.

Redação do Blog

Compartilhe:

Comente com Facebook

Feiticeiro Fm