Segurança

Em Nova Russas, acusado de cinco homicídios foge 48 horas após ser preso; outros 04 detentos também fugiram.

A falta de estrutura no sistema carcerário brasileiro é gritante desde a muito tempo. O detentos tem mostrado através de ações delituosas o quanto essa falta de estrutura abre espaços para mesmo de dentro das cadeias as práticas criminosas continuem acontecendo. No interior do pequenos municípios esta falta de estrutura também é perceptível. Hora na ausência de um efetivo de agentes suficiente, hora na falta de estrutura nas cadeias públicas nesses municípios.

Este fim de semana, o município de Nova Russas vivenciou um desses tristes episódios.

Um homem com extensa ficha criminal, dentro os quais, cinco homicídios, uma tentativa de homicídio, assaltos e porte ilegal de arma, foi preso por policiais militares no sábado (08) durante patrulhamento de rotina no Bairro Vermelho, na sede de Nova Russas. Wanderson Sousa dos Santos, conhecido como “rato” 20 anos, estava conduzindo uma motocicleta, CG 150, preta e estava armado com um revolver calibre 30 com cinco cartuchos. Ao avistar os policiais, ele ainda tentou se jogar a arma foram, mas já era tarde. Ao ser preso, a polícia descobriu que ele reside em Fortaleza no Bairro Vila Velha e é tido como uma pessoa de alta periculosidade, por ´já ter cometido cinco homicídios na capital cearense.

Ele estava hospedado em uma casa no Bairro São Francisco, onde a polícia prendeu também um outro homem. Francisco Jorge de Sena Alves, 20 anos de idade, estava deitado quando foi surpreendido pela equipe comandada pelo Sargento Santana e os soldados Tiago Sousa, Moreira Junior, Ives é Erivelto. No local foram encontrados 19 cartuchos calibre 38 intactos.

Os dois foram autuados em flagrante na Delegacia Regional em Crateús e levados para a cadeia pública de Nova Russas.

Porém, Wanderson Sousa dos Santos, o “rato” não demorou muito e na madrugada desta segunda (10), fugiu com mais 04 detentos, utilizando uma corda feita de lençóis, chamada de “tereza”. Três já foram recapturados na tarde desta segunda-feira (10). Seguem foragido além do “rato, Luiz Fernando da Silva Leite, 20 anos.

A polícia trabalha na tentativa de recapturar os foragidos e conta com apoio e denúncias da população.

 

Compartilhe:

Comente com Facebook

Feiticeiro Fm