Segurança

Monsenhor Tabosa: Mulher denuncia marido por violência e vai presa nove anos após cometer crime.

Maria Aparecida Bezerra dos Santos, 36 anos, moradora da localidade de Pebinha, zona rural de Monsenhor Tabosa, acionou a Polícia Militar após sofrer agressões por parte de seu companheiro. Segundo ela, José Nascimentos dos Santos, 39 anos, mais conhecido como Zezão, tentou lesiona-lá a faca, após ter feito ameaças. A vitima conseguiu fugir do agressor antes da chegada dos policiais.

Enfurecido diante da fuga da mulher, Zezão saiu de casa armado com uma faca. Não encontrando sua companheira, matou a golpes de faca um Tatupeba, animal que era criado na residência do casal. Para azar do homem, a polícia chegou bem na hora do acesso de raiva e bravura que ele venha transparecendo. Ele foi preso pela composição do Subtenente Rogério, Sargento Maximiano e soldados Pimentel, Abreu e Frazão.

Marido e mulher foram conduzidos à delegacia para a lavratura dos procedimentos de flagrante diante da prisão por infração a Leia Maria da Penha. Tudo ia bem até a vitima dar o seu depoimento. Ao fazer colocar o nome de mulher no Sistema de Informações Policias (SIP) foi descoberto um mandando de prisão contra a mesma por porte ilegal de arma de fogo. El também foi presa. 

Após os procedimentos, marido e mulher foram conduzidos para a cadeia pública de Monsenhor Tabosa.

A reportagem do blog apurou que o mandado de prisão contra Maria Aparecida Bezerra dos Santos estava em aberto desde março de 2008, a mais de nove anos.

 

 

Compartilhe:

Comente com Facebook

Feiticeiro Fm