Segurança

Pessoas foram feitas reféns em assaltos praticados por cinco homens armados na zona rural entre Tamboril e Monsenhor Tabosa.

Durante a noite do último sábado (13), cerca de cinco homens de cara limpa e armados com pistolas ponto 40 e calibre 12, fizeram várias pessoas de reféns durante assaltos realizados na estrada que liga a zona rural de Tamboril à localidade de Santana em Monsenhor Tabosa.

A ação executada pelo bando seguia um planejamento elaborado a risca e que fez cerca de oito vitimas. Três dos homens abordavam os condutores de motocicletas na passagem de um “mata-burro”,  pegava os objetos de valores e os levavam para um local dentro do mato; o quarto homem era responsável por esconder as motocicletas em um outro local e o quinto, vigiava as vitimas já feitas reféns.

A ação teve início por volta das 22 horas, o bando agia com calma e apenas pedia que todos ficassem quietos, que nada iria acontecer a ninguém. A narração foi feito a nossa reportagem por uma das vítimas.

Francisco Assis Gomes de Araújo, 28 anos, relatou que seguia para a localidade de Silistra onde estava acontecendo um evento, quando foi abordado pelos assaltantes. “Eles levaram tudo, celular, carteiras, dinheiro, relógios e a moto.”

Na sequência dos assaltos, um homem que conduzia outra motocicleta, não obedeceu à ordem de parada e seguiu viajem, os assaltantes realizaram disparos em direção a ele. Após isso, o bando desistiu de continua a onda de assaltos e fugiram em três motocicletas tomadas de assalto.

Liberados, as vitimas que estavam feitas reféns, encontraram as outras motocicletas escondidas no meio do mato. Eles seguiram para a localidade de Santana em busca de ajuda e no caminho encontraram caído no chão o homem que conseguiu fugir do assalto. Nailson Lopes de Sousa foi atingido com um dos disparos, se queixava de não sentir as pernas e foi conduzido para o Hospital de Tamboril e transferido para Sobral.

O bando segue sem identificação.

 

Compartilhe:

Comente com Facebook

Feiticeiro Fm