Regionais

Número de açudes sangrando no Ceará dobra em duas semanas e chega a 20.

Em menos de duas semanas a quantidade de açudes sangrando dobrou no Ceará. Nesta quarta-feira, 18, de acordo com dados da Companhia de Gestão e Recursos Hídricos (Cogerh), este número chegou a 20. No último dia 4 de abril, eram 10 os reservatórios com capacidade hídrica em 100%. Um dos mais recente a sangrar foi o Itapebussu, no município de Maranguape, distante 30 km de Fortaleza. No mesmo município, o Maranguapinho vem sangrando há mais tempo.

O reservatório São Pedro Timbaúba, em Miraíma, na bacia do Litoral, atingiu sua máxima nesta terça-feira, 18, assim com o São José I, da bacia do Banabuiú, em Boa Viagem. O açude Gameleira, em Itapipoca, também no Litoral, teve sangria recente, acontecendo nesta segunda-feira, 16. 
Atualmente sangram os açudes Acaraú Mirim, Angicos, Barragem do Batalhão, Caldeirões, Cocó, Colina, Diamantino II, Gameleira, Germinal, Itapajé, Itapebussu, Itaúna, Maranguapinho, Quandú, S. Pedro Timbaúba, São José I, São Vicente, Tijuquinha,Tucunduba e Várzea da Volta.
 
A Cogerh registrou aportes em 85 açudes nesta terça-feira, 17, com destaque para o Acarape do Meio, Angicos, Aracoiaba, Araras, Ayres de Sousa, Banabuiú, Castanhão, Caxitoré, Edson Queiroz, Figueiredo, Frios, Jaburu I, Orós, Pedras Brancas e Pentecoste. Com o ganho, os açudes Barra Velha e Forquilha deixaram o volume morto. O volume médio dos 155 açudes monitorados é de 14,6%.
(O POVO Online)

Comente com Facebook

Feiticeiro Fm

error: Alerta: Conteúdo protegido !!