Segurança

Tamboril: acusado confessa ter matado comerciante e disse que o crime foi em legitima defesa

Apontado pela polícia como principal suspeito da morte do comerciante Raimundo Martins de Sousa, 65 anos, na madrugada do último domingo (17), no distrito de Sucesso, Tamboril; Alcimar Nascimento Sousa, apresentou-se na Delegacia de Polícia Civil de Crateús, acompanhado de dois advogados.

Segundo informações, “Cimar” como é mais conhecido, confessou ter matado o comerciante e disse que o cometimento do crime teria sido em legítima defesa.

A imprensa não teve acesso ao depoimento do acusado, mas as informações obtidas apontam que a polícia teve conhecimento, que a motivação do crime teria sido por dinheiro de apostas. O acusado era frequentador assíduo do comércio da vítima, e os dois, sempre que oportuno jogavam apostado partidas de sinuca. Naquela noite, o comerciante teria ganho uma quantia bastante significativa de “Cimar” e ele teria se recusado a pagar e os dois entraram em vias de fato.

Uma outra versão que também é de conhecimento público, seria a de que o acusado perdeu o dinheiro nas partidas de sinuca. Foi embora e não satisfeito teria voltado, matado a vítima e reavido a quantia perdida.

Um policial que atendeu a ocorrência disse que o comerciante foi encontrado morto dentro de caso, em cima da cama e com aproximadamente 12 perfurações a faca em varias partes do corpo. No local foi encontrado o celular, uma camisa e um par de chinelos do acusado.

Como livrou o flagrante e não havia mandado de prisão contra sua pessoa, depois de prestar esclarecimentos ao delegado regional, Alcimar saiu pela porta da frente da delegacia acompanhado de dois advogados.

O processo segue em segredo de justiça, porém, na manhã desta terça-feira (19) o delegado de Tamboril Dr. Tiago Tatagiba, ouviu duas pessoas sobre o crime. A mulher que trabalhava na residência do comerciante e um vigilante que trabalha próximo ao comercio da vítima e ouviu os gritos de socorro, o teor dos depoimentos não foram revelados.

Importante dizer que a morte do comerciante tem causado revolta de muitas pessoas naquele distrito. Conhecido como “mundico” o comerciante era muito querido de Sucesso e a população esperava que uma resposta seja dada pelas autoridades.

O crime segue sendo investigado pela polícia.

Compartilhe:

Comente com Facebook

Feiticeiro Fm