Segurança

Acidente mata tamborilense que trabalhava em obra do Aeroporto de Fortaleza

Maciel de Andrade Pinho, 35 anos, trabalhava nas obras de ampliação do terminal do Aeroporto Pinto Martins na capital Fortaleza. Segundo as informações ele foi atropelado por um veículo ao descer de uma máquina que ele trabalhava. Não resistiu e veio a óbito.

O fato aconteceu em uma área isolada dos locais de embarque e desembarque de aeronaves. O tamborilense prestava serviço para uma empresa do consórcio Método/Passarelli responsáveis pela ampliação do Aeroporto.

A Fraport, empresa que administra o equipamento, disse que vai apurar como tudo aconteceu e dar os devidos acompanhemos ao caso que tudo se esclareça.

Em nota, o Consórcio Método Passarelli, responsável pelas obras do Fortaleza Airport, disse que lamenta profundamente informar que um acidente ocorrido na noite desta terça-feira (9) causou a morte de um colaborador de uma empresa subcontratada. O consórcio informou ainda que está prestando todo o suporte para a família da vítima e apura as causas do acidente.

Marciel era do Distrito de Sucesso. Atualmente morava em Fortaleza por conta do trabalho. As 19h30, horas antes do acidente o mesmo entrou em contato com a esposa que mora no distrito. Segundo ela, ele fez chamada de vídeo, falou com a filha e disse que trabalharia até tarde. Horas depois ela recebeu notícias sobre o acidente.

Compartilhe:

Comente com Facebook

Redes Sociais

Feiticeiro Fm