Destaques

Dezoito cidades decretam emergência por seca no Ceará

Uma publicação no Diário Oficial do Estado desta quinta, 24, decreta situação de emergência em 18 municípios do Ceará. A razão é que o período chuvoso deste ano não foi suficiente para abastecer os reservatórios. Uma parte dessas cidades está sendo abastecida por carros-pipa. Com a publicação, o tenente coronel do Corpo de Bombeiros Militar, Oscar Gomes de Oliveira Neto afirma que, no total, foi decretada situação de emergência, somente este ano, em 57 cidades do Ceará.

“O papel do decreto é para que o Estado e a União possam abastecer a população que apresenta dificuldades tanto na área urbana quanto na rural. A operação carro-pipa chega, dessa vez, em dois municípios também na sede”, informa o militar. Em situação ainda mais crítica, as cidades de Mombaça e Monsenhor Tabosa, no Sertão Central, estão sendo abastecidas de carros-pipa, inclusive nas sedes. As cidades incluídas no novo decreto são: Aiuaba, Boa Viagem, Campos Sales, Cariús, Catarina, Catunda, Deputado Irapuan Pinheiro, Jaguaretama, Lavra da Mangabeira, Milhã, Mombaça, Monsenhor Tabosa, Pedra Branca, Saboeiro, Salitre, Solonópole, Tarrafas e Umirim.

Segundo ele, o decreto legaliza e concede a continuação da operação carro-pipa. Autoriza ainda o pedido ao Governo Federal para o uso da Defesa Civil Nacional e para solicitar recursos, caso seja necessário. Foram escavados, pela Defesa Civil Estadual, mais de 200 poços profundos. Em mais de 70% deles, no entanto, a água não é potável ao consumo humano.

Secretário da Agricultura do município de Catunda, no Sertão Central, Genivaldo Gonçalves explica que o “inverno (período chuvoso) não foi suficiente para encher o reservatório”. Por conta disso, a cidade entrou no decreto de emergência. No entanto, segundo ele, em termos de agricultura familiar e de agropecuária, o abastecimento foi razoável. “O nosso reservatório está com 10,34% da capacidade. Mas, entre janeiro e junho, houve grandes precipitações. Só na sede, foram 1.020 milímetros”, aponta. Os poços profundos cavados pela Superintendência de Obras Hidráulicas do Ceará (Sohidra) foram suficientes para manter a sede do município com o abastecimento de carros-pipa.

Lista de municípios em que foi decretada situação de calamidade em 2019

  1. Acopiara
  2. Aiuaba
  3. Antonina do Norte
  4. Aracati
  5. Araripe
  6. Assaré
  7. Barreira
  8. Barroquinha
  9. Bela Cruz
  10. Boa Viagem
  11. Campos Sales
  12. Canindé
  13. Caridade
  14. Cariús
  15. Catarina
  16. Catunda
  17. Caucaia
  18. Cedro
  19. Chaval
  20. Choró
  21. Crateús
  22. Crato
  23. Deputado Irapuan Pinheiro
  24. Farias Brito
  25. Hidrolândia
  26. Icapuí
  27. Iguatu
  28. Iracema
  29. Itapiúna
  30. Itatira
  31. Jaguaretama
  32. Jaguaribara
  33. Jaguaribe
  34. Jardim
  35. Jucás
  36. Lavra da Mangabeira
  37. Limoeiro do Norte
  38. Madalena
  39. Milhã
  40. Missão Velha
  41. Mombaça
  42. Monsenhor Tabosa
  43. Ocara
  44. Parambu
  45. Pedra Branca
  46. Potiretama
  47. Quixadá
  48. Quixeramobim
  49. Saboeiro
  50. Salitre
  51. Santa Quitéria
  52. Senador Pompeu
  53. Solonópole
  54. Tabuleiro do Norte
  55. Tamboril
  56. Tarrafas
  57. Tauá

A cidade de Umirim está em situação de análise

Mapa

O mapa mais recente do Monitor de Secas aponta que o Ceará apresentava, em setembro, 64,43% do seu território com seca forte e 5,95% com seca fraca. Em 29,62% do território não há seca relativa. Dos 155 açudes monitorados pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), 81 estão com volume abaixo dos 30%.

(O POVO)

Comente com Facebook

Feiticeiro Fm

error: Alerta: Conteúdo protegido !!