Regionais

Após reunião no Tribunal de Justiça, Jeová Mota informou que comarca de Monsenhor Tabosa não será extinta

A notícia sobre a extinção da comarca de Monsenhor Tabosa mobilizou a população e as autoridades do município. A preocupação tomou conta de todas as classes, que motivados pela defesa das prerrogativas de acesso à justiça a todos, realizaram diversas ações para barrar a medida que já era dada como certa.

O assunto chegou até o representante do município na Assembleia Legislativa, Deputado Estadual Jeová Mota (PDT). O parlamentar, acompanhado do prefeito de MT, Jeová Madeiro (PDT), se reuniu na tarde desta quinta-feira (28), na sede do Tribunal de Justiça com o Dr. Ricardo Alexandre, juiz responsável pela assessoria do presidente da corte, desembargador Washington Luís.

Juntos, os dois políticos mostraram ao juiz, importância de se manter a comarca de Monsenhor Tabosa em funcionamento. Sua extinção prejudicaria milhares de moradores, pessoas de pouco poder aquisitivo e que não teria condições de fazer deslocamento para outras cidades onde a comarca fosse anexada, para acompanhar suas demandas judiciais. A medida representaria um retrocesso a vida dos taboenses.

Após a reunião, considerada muito produtiva, Jeová Mota informou através de suas redes sociais, que ficou descartado a extinção da comarca de Monsenhor Tabosa e a garantia de seu pleno funcionamento, para servir a todos, em especialmente a população mais carente.

Compartilhe:

Comente com Facebook

Redes Sociais

Feiticeiro Fm