Segurança

Ararendá: Mulher é agredida e se encarrega de pagar a fiança para seu agressor ser liberado da prisão

Os casos de violência doméstica contra mulheres, virou rotina no cotidiano da polícia militar. São dezenas de ocorrências atendidas em todo o Estado diariamente. As situações mais comuns envolvem casais, ex-companheiros, namorados e até filhos agredindo mães e irmãs.

O caso mais recente foi registrado neste domingo (08), na localidade de Vila Nova, zona rural de Ararendá. A polícia militar prendeu Almir Rogério Silva Carvalho. O acusado agrediu de forma violenta a sua companheira Ana Meire Marques.

Ela sofreu lesão no nariz depois de levar um soco violento de seu companheiro. Devido à agressão, ela foi parar na emergência do hospital do município. De lá, policiais do destacamento da PM, foram informados sobre o ocorrido.

Após conversar com a vítima, os polícias saíram em diligências e conseguiram prender o acusado. Ele foi  conduzido para a Delegacia Regional de Crateús, onde foi autuado em flagrante por violência doméstica e familiar.

Diante da conclusão dos procedimentos, o delegado resolveu arbitrar fiança para que Almir fosse colocado em liberdade e eis que a vítima que havia levado um soco do agressor, foi quem se encarregou de pagar o valor para libertar o seu companheiro.

Compartilhe:

Comente com Facebook

Feiticeiro Fm