Regionais

Crateús: Aumenta o número de casos suspeitos do covid-19 e prefeito baixa decreto

Os casos suspeitos de coronavírus em Crateús aumentaram nas últimas horas, subindo para 19. A atualização dos dados foi feita pela secretaria de saúde do município que tem sido transparente com a população diante da pandemia do Covid-19. O aumento preocupa a população que precisa fazer sua parte e ficar em casa.

A situação exigiu do prefeito Marcelo Machado, a adoção de medidas mais duras, para obrigar a população a obedecer o decreto estadual e ficar em casa. Já de acordo com o decreto publicado pelo gestor do município, a partir desta segunda-feira (23), todos comércios devem fechar a partir das 20h. Também não será permitido, a circulação de pessoas e veículos. A ação é uma tentativa de conter a proliferação do doença.

A situação só será controlada quando as pessoas se conscientizarem da real importância do isolamento domiciliar. Os resultados dos casos suspeitos ainda não tem data cerca para chegar, possivelmente em até uma semana. 

O Município também implantou barreiras sanitárias nas entradas e saídas da cidade de Crateús com a Guarda Municipal e Polícia Militar, podendo utilizar termômetros para averiguar a temperatura das pessoas, somente sendo permitida a entrada de munícipes, devendo ficar em isolamento por sete dias, transporte de mercadorias essenciais, casos de urgência e pessoas que estejam comprovadamente com passagem para outros municípios, sendo avaliado pela autoridade municipal no local, pessoas com suspeita de contágio e que não esteja em estado de saúde grave, devem retornar ao local de origem.

Os bancos e demais instituições financeiras, supermercados e padarias do Município ficam obrigados a apresentar em até 24h plano de contingência para evitar aglomerações e prevenção da transmissão do coronavírus, as medidas do decreto valem até o dia 30, podendo ser prorrogadas, conforme análise da Secretaria de Saúde.

No Ceará registra 125 casos confirmados, conforme o boletim divulgado pela Secretaria da Saúde (Sesa), na tarde deste domingo (22). A quantidade representa um aumento de aproximadamente 48,8% em relação à última atualização, que contabilizava 84 casos.

(Colaboração: Samila Gomes).

Compartilhe:

Comente com Facebook

Feiticeiro Fm