Regionais

Comerciantes fazem alerta para circulação de dinheiro falso em Tamboril

Os tamborilenses precisam ficar em alerta. Notas falsas de R$ 20 e R$ 50 estão circulando na cidade. A denúncia é de vários comerciantes que já foram vítimas da ação fraudulenta praticada por pessoas ainda não identificadas. Nesta sexta-feira (22), um comerciante chegou a receber três notas falsas e só percebeu se tratar de dinheiro falso, muito depois que uma pessoa praticou a ação.

Um comerciante informou a reportagem do blog na manhã deste sábado (23), que uma mulher realizou compras em seu comercio com uma nota de R$ 50,00 falsa. Depois de dar o troco do valor da mercadoria e pegar na nota foi que ele percebeu se tratar de uma nota estranha, comparou com uma nota verdadeira e percebeu que se tratava de dinheiro falso. A mulher por sua vez, já havia desaparecido.

A polícia foi comunicada de ação. Levantamentos feitos aponta ao menos três comerciantes foram alvos dessa ação nas últimas horas no comercio de Tamboril. “provavelmente sejam pessoas que venha de outras cidades comprar em Tamboril e aproveite para fazer isso”, disse um comerciante que não quis ser identificado.

Fabricar ou repassar moeda falsa é crime que pode resultar em pena de três a 12 anos de prisão. Quem recebe uma nota falsa de boa fé e só depois percebe que o dinheiro não tem valor deve comunicar a polícia. A pessoa que está com uma cédula falsa e mesmo assim passa para frente, para não ficar no prejuízo, também está cometendo um crime que tem pena prevista de seis meses a dois anos de reclusão. “Nós temos a orientação da Câmara de Dirigentes Lojistas e da Delegacia de Polícia que quando alguém receber essa nota, segura e vá até a delegacia, registre, que essa nota ficará apreendida e não circula mais”, pondera a empresária. 

DINHEIRO BRASILEIRO

Existe um aplicativo, chamado “dinheiro brasileiro”, que foi desenvolvido pelo Banco Central e ajuda a identificar e reconhecer os itens de segurança das cédulas. Algumas maneiras de identificar notas falsas:

1 – Conheça bem a nota verdadeira.

2 – Procure não ter pressa no atendimento.

3 – Verifique se as numerações das notas não são iguais.

4 – Observe a textura da nota.

5 – Observe a impressão da nota (nas cédulas legítimas, as tonalidades de cores são firmes. Já as notas falsas têm cores com pouca nitidez e costuma haver barramento das cores).

6 – Verifique a marca d’água colocando a nota contra a luz.

7 – No caso de dúvida, compare a nota suspeita com uma verdadeira.

Outra alternativa procurar no comercio local, que tem a venda um equipamento via lazer e uma caneta que identifica as notas falsas.

Compartilhe:

Comente com Facebook

Feiticeiro Fm