Segurança

Funkeiro do RJ é preso por promover organização criminosa no Ceará

Uma ação da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), com o apoio operacional da Coordenadoria de Recursos Especiais da Polícia Civil do Rio de Janeiro (PCRJ) e da Polícia Rodoviária Federal (PRF), resultou no cumprimento de mandado de prisão preventiva contra um conhecido funkeiro no Estado do Rio de Janeiro pelo crime de promover organização criminosa.

O suspeito foi capturado, na madrugada desse domingo (01) na cidade de Magé, no Rio de Janeiro. O mandado foi expedido pela Vara de Delitos de Organizações Criminosas do Tribunal de Justiça do Ceará. O suspeito proferia “salves” de membros de uma organização criminosa, ao mesmo tempo que os instigava para prática de homicídios contra membros de grupos rivais.

A PCCE está realizando as tratativas para a transferência do preso para o Ceará, o que deverá ocorrer nos próximos dias, para que ele seja ouvido.

Envolvimento com Cilas

Em um dos vídeos divulgados em rede social, o funkeiro envia um salve para Francisco Cilas de Moura Araújo (44), o “Mago”, que foi capturado dia 07 de julho deste ano, no Estado do Piauí.

Cilas figurava como um dos homens mais procurado do Ceará. À época, Cilas possuía mandados de prisão em aberto por homicídio, tráfico de drogas, associação para o tráfico, associação criminosa e porte ilegal de arma de fogo. Além das pendências na Justiça, ele já responde por dez inquéritos policiais, sendo sete homicídios, um furto, por porte e por posse ilegal de arma de fogo.

Compartilhe:

Comente com Facebook

Feiticeiro Fm