Segurança

Mais de 7 mil pessoas com tornozeleira eletrônica no Ceará serão visitadas em dezembro

Uma força-tarefa iniciada em 2 de dezembro para fiscalizar as 7.572 pessoas monitoradas com tornozeleira eletrônica no Ceará recolheu seis internos por violação do perímetro ou perímetro ou horário. Ou seja, eles não estavam na área que deveriam ou não obedeceram o horário em que deveria estar recolhido.

A operação “Braço Longo da Lei” não tem data para terminar e está ocorrendo diariamente. Ela visa promover o esforço preventivo de segurança neste período de fim de ano, quando se percebe um relativo aumento de ocorrências, destaca a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP).

“Está sendo bem rígido e bem atuante com as equipes em todo Estado do Ceará. A gente intensificou bastante porque tínhamos na faixa de 8 a 10 equipes por dia, e hoje temos na faixa de 20 equipes por dia na rua”, ressalta o titular da SAP, Mauro Albuquerque, que deu detalhes da operação nesta segunda-feira (14).

Segurança nos presídios

Sobre tentativas de rebeliões nos presídios, mais recorrentes no final do ano, o secretário garantiu ainda que o sistema penitenciário está “bem contido, bem controlado e se tiver algum tentativa vai ser sufocada de imediato pelas forças de segurança que estão dentro dos sistema penitenciário pelos seus policiais penais.”

(Com informações da repórter Angélica Feitosa)

Compartilhe:

Comente com Facebook

Feiticeiro Fm