Destaques

Ceará se aproxima da marca de 10 mil mortes por Covid-19

A sete dias do fim de 2020, o Ceará se aproxima de uma triste marca: 10 mil vidas perdidas em decorrência da Covid-19. O Estado já soma 9.952 óbitos pela doença causada pelo coronavírus, além de 327,1 mil casos confirmados. Os dados são do IntegraSUS, plataforma da Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (Sesa), atualizada às 9h24min desta quinta-feira, 24.

Desde o dia 1º de dezembro até essa quarta-feira, 23, foram 215 óbitos e 12.266 casos confirmados de Covid-19. Novembro e outubro acumularam 248 e 315 mortes, respectivamente. Atualmente, a taxa de letalidade no Estado é de 3%. No começo de maio, o percentual era de 7,7%. Esse indicador refere-se à quantidade de pessoas que morreram por uma doença em relação ao total de infectados por ela.

O boletim epidemiológico mais recente, divulgado na quinta-feira, 17, pela Sesa, revela que o mês de dezembro começou com os três primeiros dias registrando médias superiores em relação aos novos casos da doença pandêmica.

No Ceará, de abril até 12 de dezembro, ocorreram, em média, 38,5 óbitos devido a Covid-19 por dia. O mês de maio apresentou maior média de 7 dias (147,1 óbitos). O maior número de óbitos ocorreu no dia 11 de maio, com 159 (1,6%) óbitos. Enquanto isso, a média de óbitos/dia nos meses de maio a novembro foi de 125,1; 67,3; 39,9; 23,1; 16,8; 10,2 e 8,2 óbitos, respectivamente.

Em outubro, houve redução na média de óbitos de 33% entre os dias 1º e 31, porém, os dias 26 a 31 de outubro já apresentaram média superior à registrada 14 dias atrás. No mês seguinte, novembro, preliminarmente, observou-se aumento de 10% na média de óbitos, com os dias 20 a 30/11 apresentando média móvel de óbitos superior em relação ao registrado 14 dias atrás em mais de 15%.

Enquanto isso, os primeiros seis dias de dezembro registraram aumento sustentado na média de óbitos em relação aos 14 dias anteriores, conforme com a Sesa. O Ceará contabiliza mais de 264.833 pessoas recuperadas da Covid-19 e já realizou 1.268.735 exames para detectar o coronavírus.

(O POVO)

Compartilhe:

Comente com Facebook

Feiticeiro Fm