Regionais

Parambu: Agricultores elevam padrão de vida das suas famílias através da avicultura

No ano passado, 17 famílias da comunidade Divisão, zona rural no município de Parambu, receberam através do Projeto Paulo Freire, 1.020 pintos, sacos de ração e equipamentos para a construção de aviários. Os avicultores, que já criaram e venderam os pintinhos recebidos, com o lucro puderam adquirir outros lotes, garantindo geração de renda e a segurança alimentar do núcleo familiar. A conquista de aviários e as rações adequadas garantiram o crescimento saudável da espécie, proporcionando uma melhoria do produto e, consequentemente, a possibilidade de aumentar o preço de venda.

Dona Francisca Cândia e seu filho Francisco Junior Gomes, que antes do projeto criavam galinhas caipiras somente para o consumo próprio da família, com o lote recebido mudaram significativamente a realidade econômica deles. “Os animais do projeto são de raça e com dois meses de idade já chegam ao peso de 2 quilogramas”, explica dona Francisca, que no passado não conseguia conformar o produto aos requisitos do mercado, pois o tempo para os frangos alcançarem o peso de venda era muito longo.

“Do lote que recebemos com o projeto, alguns foram usados para a nossa alimentação e a maioria foi comercializado aos 3 meses de vida com uma média 2,7 quilogramas, cada um vendido por R $10,00”, relata dona Francisca, que acrescenta alegremente que há quando começaram a venda, nunca faltaram as encomendas, pois os moradores da comunidade reconhecem a qualidade do produto. Segundo Francisco Junior, a assessoria técnica da Cáritas de Crateús lhes deu as noções técnicas para criar adequadamente os animais, além de incentivar os agricultores e as agricultoras da comunidade a produzirem mais.

“Antes de conhecer o Projeto Paulo Freire, nós já tínhamos os pintos, porém estávamos sem os conhecimentos e as estruturas adequadas para criá-los”, explica Francisco Junior que recebendo os animais, assumiu também o compromisso de participar das formações e da construção do aviário. “Meu filho Francisco Junior e eu zelamos e cuidamos dessa atividade com muita dedicação, lavamos e varremos diariamente as instalações para evitar a proliferação de doenças, pesamos todos os ingredientes da ração para manter os frangos saudáveis” conta com orgulho dona Francisca.

O Projeto Paulo Freire é realizado pela Cáritas Diocesana de Crateús, a Secretaria de Desenvolvimento Agrário do Ceará e o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola e tem como objetivo a redução da extrema pobreza nas zonas rurais, elevando o padrão de vida das famílias através da agricultura familiar. “Estou muito feliz e satisfeita com os benefícios que esse projeto está proporcionando para minha família, meus clientes sempre estão me procurando e tenho muito carinho e respeito pelos técnicos e as técnicas da Cáritas Diocesana de Crateús que estão nos acompanhando”, comenta dona Francisca.

(Redação do Blog Por Angelica Tomassini)

Compartilhe:

Comente com Facebook

Feiticeiro Fm