Segurança

Polícia Civil elucida caso e prende suspeitos de praticar tortura em Hidrolândia

Uma investigação coordenada por equipes da Polícia Civil resultou nas prisões de dois homens e de uma mulher, suspeitos de tortura, no município de Hidrolândia – Área Integrada de Segurança 16 (AIS 16) do Estado. Com o caso já elucidado, os policiais civis cumpriram os mandados de prisão preventiva em desfavor dos alvos em janeiro deste ano, mesmo período em que o crime aconteceu. No entanto, as informações só foram divulgadas nesta sexta-feira (7), após a continuidade dos trabalhos policiais.

As diligências iniciaram em janeiro, após um vídeo contendo imagens de tortura contra um homem chegar ao conhecimento dos agentes de segurança pública. Na ocasião, a vítima de 38 anos, com antecedentes por latrocínio, ameaça e lesão corporal, estava em uma residência, quando foi torturada por dois homens. O homem integrava o mesmo grupo criminoso dos suspeitos.

No curso das investigações, os policiais civis identificaram os alvos: Adriele Ribeiro Sousa (18) e João Paulo Pires da Silva (39), ambos com antecedentes por integrar organização criminosa; e Francisco Humberto Sauna Mesquita (21), com antecedentes por tráfico de drogas, por comercialização de armas de fogo, por porte ilegal de armas de fogo e também por integrar organização criminosa.

O trio foi capturado em janeiro, na mesma época da circulação do vídeo, porém a divulgação do caso só ocorreu neste mês, pois a PCCE ainda estava em diligências. Os alvos foram conduzidos à Delegacia Municipal de Santa Quitéria, onde foram autuados pelo crime de tortura. A PCCE segue em diligências visando capturar os demais envolvidos no crime.

Denúncias

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais. As denúncias podem ser feitas pelo número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), ou para o ‪‪(88) 3628-0190, da Delegacia Municipal de Santa Quitéria. O sigilo e o anonimato são garantidos.

Compartilhe!

Feiticeiro Fm

Cópia de conteúdo proibida!