Segurança

Furto e abate de animais a bala, preocupa criadores no interior de Ararendá


O constante problema do furto e abate de animais tem causado grandes transtornos para os criadores rurais do interior. Na última quarta-feira (28), mais um caso dessa natureza abalou a região, dessa vez na zona rural de Ararendá. A vítima, Gonçalo Ferreira da Silva, de 77 anos, conhecido como “Gonçalinho Pesado”, residente no Distrito de Lagoa de Santo Antônio, teve sua fazenda na localidade do Riacho do Mel alvo de criminosos.

Gonçalinho não hesitou e procurou imediatamente a Delegacia Regional de Polícia Civil em Crateús para registrar uma queixa de roubo em sua propriedade. O proprietário ficou indignado ao encontrar restos mortais de bovinos próximos à sua fazenda. Segundo ele, os criminosos abateram os animais com disparos de arma de fogo com o intuito de roubar a carne.

A ação criminosa ocorreu durante a madrugada da última segunda-feira (26) para terça-feira (27). Vale ressaltar que essa não é a primeira vez que ocorre esse tipo de crime nas imediações, conforme relatado pelo proprietário. O prejuízo estimado é de R$ 3.000,00, somando-se aos danos já causados anteriormente.

Os criadores rurais da região estão clamando por uma atuação efetiva das autoridades competentes para elucidar esses casos e coibir a ação dos criminosos. A população espera que medidas sejam tomadas para garantir a segurança dos produtores e a proteção de seus animais e propriedades.

Compartilhe!

APP FEITICEIRO FM

PÚBLICIDADE INSTITUCIONAL

Feiticeiro Fm