Policial

Seca provoca alta de 26% a 30,5% no preço de alimentos no Ceará

É importante estar atento aos preços dos produtos na hora da compra, pois assim é possível aliar saúde e economia. Na última pesquisa, dos 85 itens pesquisados pela Central Estadual de Abastecimento de Alimentos do Ceará (Ceasa), realizada na última semana, de 26% a 30,5% registraram alta nos preços. O Chefe da Unidade de Informação de Mercado Agrícola da Ceasa Ceará, Odálio Girão, lista os principais alimentos que registraram alta: manga, limão, mamão e uva.

No supermercado e nas ruas, os consumidores têm reclamado da alta de preços de frutas e verduras. A vendedora Ana Lúcia Martins tem evitado o supermercado na hora de comprar esses alimentos. “Está pesando muito no meu orçamento. Já não posso mais comprar fruta no supermercado, prefiro ir em um local que o preço esteja mais em conta”.

De acordo com a Ceasa Ceará, a falta de chuva nas principais áreas produtoras do estado e da região Nordeste ainda é o principal motivo pela elevação nos preços de diversos produtos.

(BandNewsFm)

Compartilhe!

Feiticeiro Fm

Cópia de conteúdo proibida!