Destaques

Quem não fez a biometria poderá regularizar a situação depois do dia 29 de novembro

Os eleitores que ainda não fizeram o cadastramento da biometria poderão regularizar sua situação após o dia 29 de novembro. Embora o prazo nacional de fechamento do cadastro seja de 6 de maio de 2020, quando a Justiça Eleitoral encerra os atendimentos para se preparar para as eleições, quem não tiver comparecido para atualização está sujeito a ter o título cancelado a qualquer momento.

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) explica que, após o dia 29, será concluído o procedimento de revisão do eleitorado que fez a biometria e, até a finalização desse ato formal, os títulos continuarão válidos. Entretanto, assim que foi sinalizado pelo Tribunal haverá o cancelamento.

O juiz auxiliar da presidência do TRE, Daniel Carneiro, ressalta também que, após o prazo deste mês, os eleitores vão depender da quantidade normal de atendimentos nos postos, sem os mutirões em praças e no Centro de Eventos. Ele alerta também para que quem não consiga se regularizar até a data, o faça o mais rápido possível para evitar o cancelamento iminente.

“O cidadão que não fizer a biometria até 29/11 não deve esperar essa data, 6/5, pois o título será cancelado muito antes de maio, assim que a sentença determinando os cancelamentos for prolatada e os prejuízos podem acontecer”, afirma o Tribunal através de nota.

(O POVO)

Compartilhe:

Comente com Facebook

Redes Sociais

Feiticeiro Fm