Destaques

Cearense de 104 anos vence a luta contra a Covid-19

Quando o cearense Francisco Pereira nasceu, o presidente do Brasil era Venceslau Brás, governante em 1916. Naquela época, o município de Camocim tinha apenas 37 anos de fundação e nem imaginava que um filho da terra entraria para a estatística de uma pandemia, como o homem mais velho a vencer o coronavírus no Brasil até o momento. Em meio a tantas notícias tristes, o alento vem de um brasileiro de fibra, que mesmo sem acesso aos livros e considerado analfabeto pelos registros oficiais soube escrever com letras maiúsculas seu nome na história.

No dia 18 de maio, Francisco deu entrada em uma Unidade de Pronto Atendimento da cidade, com sintomas graves da doença, chegando a usar oxigênio. Durante os quatro dias até a alta hospitalar, cuidados seguidos à risca, com direito a quarentena e atenção redobrada, afinal a região é tida como o epicentro do vírus no Ceará atualmente. Mesmo o distanciamento dos filhos e netos não abalou esse centenário de 104 anos, que não via a hora de voltar ao convívio de toda a família, o que finalmente ocorreu nas últimas semanas.

Apesar de fazer parte do grupo de risco, Francisco contraria todos os prognósticos e segue firme e forte, recuperado e com mais um capítulo para contar: ele superou a covid-19, para festa dos amigos e alento aos milhares de corações que hoje sofrem sem saber quando tudo isso vai passar.

Atualmente, esse simpático senhor lidera o ranking dos representantes da terceira idade que têm mais de três dígitos e se viram livres da doença. Atrás dele, um conterrâneo dois anos mais jovem, morador morador de Carnaubal, chamado Diolindo Ferreira. Essa dupla dinâmica comprova que é possível crer em grandes coisas. E, sim, nós vamos vencer essa!

Compartilhe:

Comente com Facebook

Feiticeiro Fm